Terça, 16 de outubro de 2018
19 99746-0072
Brasil

02/10/2018 ás 14h00

3.188

A Estância

Avaré / SP

IFSP oferece 600 vagas para cursos técnicos gratuitos na região de Avaré
No Câmpus Avaré, são ofertadas 200 vagas para cursos técnicos. Na modalidade integrada ao ensino médio, são oferecidos os cursos técnicos em Agroindústria, Lazer, e Mecatrônica.
IFSP oferece 600 vagas para cursos técnicos gratuitos na região de Avaré

Muito mais do que uma escola, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) se empenha para ser um local de transformação, de escolhas, de descobertas, de integração. Seus servidores se atualizam para ajudar a embasar a reflexão dos alunos, ampliando a visão de mundo, questionando paradigmas e quebrando tabus. Sabemos a importância de possibilitar o encontro com o desconhecido e de dar ouvidos e voz às minorias. Por tudo isso, convidamos a todos a integrar a família IFSP. O processo seletivo para os cursos técnicos gratuitos oferece 5.862 vagas em 144 cursos distribuídos em 34 cidades paulistas no primeiro semestre de 2019. Para a região de Itapetininga são oferecidas 600 vagas.


 


No Câmpus Avaré, são ofertadas 200 vagas para cursos técnicos. Na modalidade integrada ao ensino médio, são oferecidos os cursos técnicos em Agroindústria, Lazer, e Mecatrônica. Os cursos Técnicos em Eventos e em Mecânica são oferecidos nas modalidades concomitante e subsequente ao ensino médio. O Câmpus Avaré fica na Avenida Professor Celso Ferreira da Silva, 1.333, no Jardim Europa.


 


Em Boituva são oferecidos os cursos Técnicos em Automação Industrial e em Redes de Computadores integrados ao ensino médio e os cursos Técnicos em Automação Industrial e em Logística nas modalidades concomitante e subsequente ao ensino médio, totalizando 200 vagas. O Câmpus Boituva do IFSP fica na Avenida Zélia de Lima Rosa, 100, no Portal dos Pássaros.


 


O Câmpus Itapetininga também oferece 200 vagas para os cursos técnicos. São 80 vagas para os cursos de Eletromecânica e de Informática, ambos integrados ao ensino médio, e 120 vagas para os cursos de Edificações e de Mecânica, nas modalidades concomitante e subsequente ao ensino médio. Em Itapetininga, o câmpus do IFSP fica na Avenida João Olímpio de Oliveira, 1.561, Vila Asem.  


 


As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas de 8 de outubro a 20 de novembro. São oferecidos cursos em três modalidades diferentes: 1) curso técnico integrado ao ensino médio: o candidato deve ter concluído o ensino fundamental. Ele cursará o ensino médio e o técnico no IFSP; 2) curso técnico concomitante ao ensino médio: o candidato deve estar matriculado no ensino médio em outra instituição de ensino. Ele cursará apenas o ensino técnico no IFSP; 3) curso técnico subsequente ao ensino médio: o candidato deve ter concluído o ensino médio. Ele cursará apenas o ensino técnico no IFSP.


 


Não há provas! Assim como nas edições anteriores, a seleção dos candidatos será feita por meio de análise de histórico escolar.


 


Aqui no IFSP há oportunidade para todos, para quem está terminando o ensino fundamental ou para quem concluiu o ensino médio há muitos anos. Não há limite de idade para estudar no IFSP.


 


O IFSP conta, em todos os câmpus, com um Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas (Napne), responsável por realizar o acolhimento, o atendimento e o acompanhamento de estudantes com necessidades em todos os aspectos, do psicossocial ao pedagógico, além de fomentar ações coletivas, como palestras e capacitações, para sensibilizar toda a comunidade acadêmica sobre a diversidade e a inclusão.


 


Outros dois núcleos são de extrema importância dentro da Instituição. O Núcleo de Estudos Afro-brasileiro e Indígena (Neabi) e o Núcleo de Estudos sobre Gênero e Sexualidade (Nugs) promovem debates e campanhas de forma a banir e evitar quaisquer situações de violência e de discriminação dentro da Instituição e pela comunidade do IFSP.


 


Nosso trabalho é garantir o ingresso, a permanência e o êxito dos nossos alunos, de modo que a passagem pelo Instituto Federal de São Paulo os ajude a conquistar tudo o que quiserem.


 


Câmpus – As 5.862 vagas em 144 cursos estão distribuídas nas seguintes cidades paulistas: Araraquara, Avaré, Barretos, Birigui, Boituva, Bragança Paulista, Campinas, Campos do Jordão, Capivari, Caraguatatuba, Catanduva, Cubatão, Guarulhos, Hortolândia, Ilha Solteira, Itapetininga, Itaquaquecetuba, Jacareí, Jundiaí, Matão, Piracicaba, Pirituba, Presidente Epitácio, Registro, Salto, São Carlos, São João da Boa Vista, São José dos Campos, São Miguel Paulista, São Paulo, São Roque, Sertãozinho, Sorocaba, Suzano, Tupã e Votuporanga.


 


Histórico de estrangeiros — Candidatos (brasileiros ou estrangeiros) que cursaram o ensino fundamental e/ou médio no exterior deverão incluir as notas de Matemática e Língua Oficial escolar. O documento comprobatório de escolaridade anexado deverá ser apresentado por meio de atestado emitido por órgão oficial brasileiro, como a Secretaria de Estado da Educação.


 


Nome social – Em consonância com a Portaria IFSP n°2.102, de 13 de maio de 2014, o Instituto Federal de São Paulo assegura ao candidato transgênero o direito de ser tratado pelo gênero e pelo nome social ao ingressar na instituição.


 


O IFSP


O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo – IFSP – é uma autarquia federal vinculada ao Ministério da Educação. Está presente em 34 cidades do estado de São PaUlo com objetivo de oferecer educação profissional e tecnológica em todos os níveis, a fim de contribuir para a inserção social, a formação integradora e a produção do conhecimento.


 


Hoje, cerca de 47 mil alunos estão matriculados nos cursos técnicos presenciais e a distância, nos cursos superiores, nos cursos de pós-graduação e na Formação Inicial e Continuada (FIC).


 


Uma das grandes preocupações do IFSP é garantir a constante atualização dos seus servidores, dos currículos e dos ambientes educacionais, para que proporcionem aos alunos uma formação diferenciada, fazendo com que sejam reconhecidos pelo mercado de trabalho e pela sociedade.


 


A educação profissional proporciona aos estudantes a entrada ou recolocação no mercado de trabalho logo no início dos cursos, o que provoca uma ascensão social na família do aluno, resultando num estímulo para a continuidade dos estudos.


 


Assim, os alunos trabalharão para o desenvolvimento da cultura, do empreendedorismo e cooperativismo, participando também do desenvolvimento socioeconômico da região de influência de cada câmpus, da pesquisa aplicada destinada à elevação do potencial das atividades produtivas locais e da democratização do conhecimento à comunidade em todas as suas representações.


 


Saiba mais sobre o IFSP em www.ifsp.edu.br.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium