Sexta, 16 de novembro de 2018
19 99746-0072
Geral

16/08/2018 ás 17h15

384

A Estância

Avaré / SP

Ministério Público arquiva denúncia contra Emapa
A alegação, em resumo, é de que a Prefeitura tem deixado de investir em setores essenciais como saúde e educação, além de não conceder reajuste salarial aos servidores.
Ministério Público arquiva denúncia contra Emapa


A 3a Promotoria de Justiça da Comarca de Avaré, decidiu promover o arquivamento da denúncia protocolada pelos vereadores Toninho da Lorsa, Ernesto Albuquerque, Barreto do Mercado, Flávio Zandoná, Cabo Sérgio, Adalgisa Ward e Marialva Biazon, que pretendia impedir a realização da 50a Emapa, programada para ocorrer entres os dias 1o 9 de Dezembro.


 


O grupo de parlamentares enviou ao Ministério Público de Avaré (MP), uma solicitação para que o órgão ajuizasse uma Ação Civil Pública para impedir a Prefeitura do município de realizar o evento. A alegação, em resumo, é de que a Prefeitura tem deixado de investir em setores essenciais como saúde e educação, além de não conceder reajuste salarial aos servidores.


 


Notificada a se manifestar sobre o caso, a Prefeitura de Avaré, levou ao conhecimento da promotora de justiça responsável pela análise da denúncia, uma relação com os dados sobre o desempenho da administração. Junto a relação, também foi apresentado o fato de que o mesmo grupo de vereadores em 2017, impediu o evento de ser realizado com a edição de uma Lei que, mais tarde, foi considerada Inconstitucional pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. A Prefeitura rebateu os pontos da denúncia e juntou ampla documentação para sustentar seus argumentos.


 


No último dia 8 de Agosto, o Ministério Público decidiu pelo arquivamento da representação feita pela Câmara, fundamentando sua decisão na falta de justa causa na ação pretendida pelos vereadores. Para o MP, a decisão de realizar ou não eventos, cabe unicamente ao Prefeito. A promotoria entende que não cabe a intervenção do poder judiciário nas ações promovidas pelo executivo, sem que haja justa razão para tal. A denúncia não apresentou argumentos e provas seguras de que haveria prejuízo ao erário e aos administrados.


 


Para a Prefeitura de Avaré, a decisão conhecida na tarde desta quinta-feira, 16, é justa, proporcionando ao evento toda a segurança necessária para que se desenvolva de acordo com o programado, eliminando de vez, especulações a respeito de sua realização.


 


A 50a edição da Emapa acontece de 1o a 9 de Dezembrono Recinto de Exposições Fernando Cruz Pimentel com entrada e estacionamento gratuitos.


Estão previstos shows com diversos artistas, entre eles, Luan Santana, Gustavo Lima, Marília Mendonça, Henrique e Juliano, Zezé di Camargo e Luciano, Teodoro Sampaio e Pedro Paulo e Alex, além de exposição de animais, implementos agrícolas, rodeio e outras atrações.


 



FONTE: Secretaria de Comunicação

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium