Em Sorocaba

Durante 14ª edição das Jornadas Regionais será apresentada a análise setorial do ensino superior de Avaré

Durante o evento, será apresentada a análise setorial do ensino superior por Regiões de Governo

21/05/2018 15h41
Por: A Estância
266

O Semesp - entidade que congrega mantenedoras de ensino superior do Brasil - apresenta na 14ª edição das Jornadas Regionais em Sorocaba, nesta quarta-feira (23), no Hotel All Inn Sorocaba, o “Panorama, Tendências e Indicadores de Qualidade” do ensino superior das Regiões de Governo de Sorocaba, Itapetininga, Botucatu, Avaré, Itapeva, compostas por 79 municípios.

O evento é realizado anualmente pelo Semesp, em várias regiões do estado de São Paulo, com os objetivos de se aproximar das Instituições de Ensino Superior e levar orientação especializada para o setor, contribuindo para o aprimoramento da educação acadêmica.

Rodrigo Capelato, diretor executivo do Semesp, adianta que a variação de matrículas nas instituições de ensino superior, em cursos presenciais, na Região de Governo de Sorocaba registrou queda de 5,3%, seguida de Itapetininga (-5,1%), Avaré (-4,0%) e Itapeva (-5,3%). O Estado de São Paulo teve queda de 4,5%, e o Brasil recuou 2,6%. O percentual de matrículas foi positivo somente na região de Botucatu (9,3%).

O número de ingressantes, em cursos presenciais, em Sorocaba ficou em 3,4%, Itapetininga, 45%, Botucatu -10%, Avaré -0,9%, Itapeva -24%. No Brasil, houve redução de 4,9%. Já o Estado de São Paulo não apresentou variação.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Os números de matrículas e de ingressantes nos cursos a distância (EaD), conforme os gráficos abaixo, seguindo os cenários estadual e nacional, registraram desempenho expressivo em Sorocaba, Itapetininga e Itapeva. A Região de Governo de Botucatu registrou queda em matricular (21,8%), já o número de ingressantes aumentou 13,4%. A região de Avaré teve queda de 19,4% em matrículas e de 48% em ingressantes.

De acordo com o diretor do Semesp, os cursos a distância são procurados pelas pessoas de faixa etária mais elevada, a maioria está acima de 29 anos. Enquanto o público que procura os cursos presenciais é, na maioria, composto por jovens de até 24 anos. “Os cursos a distância têm sido muito interessantes para as pessoas que não tiveram a oportunidade de fazer um curso superior quando saíram do ensino médio. Além da flexibilidade de horário e de não ser necessário o deslocamento diário para a faculdade, os valores das mensalidades são mais acessíveis e tornam os cursos mais atrativos para as pessoas que querem crescer profissionalmente ou mesmo aumentar as suas chances de empregabilidade”, explica Rodrigo Capelato.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A apresentação do Panorama também englobará os números de evasão, concluintes dos cursos presenciais, tecnológicos e EaD, cursos mais procurados, migração dos estudantes, perfil dos alunos, nota de corte e mensalidade média, dados do Fies 2018, entre outros.

 

Ao longo da programação, que será dividida em dois blocos, “Regulação, Supervisão, Avaliação e Qualidade” e “Análise de Mercado, Comunicação digital e Inovação”, especialistas vão abordar os temas Mudanças na legislação e os impactos para as IES: Decreto 9.235/17 e as Portarias Regulamentadoras; Novos Instrumentos de Avaliação: como organizar a IES para obter melhores resultados nos processos avaliativos; Comunicação digital como estratégia de captação e retenção e Como sensibilizar a área acadêmica e engajar os professores em processos de inovação que gerem mudanças institucionais.

 

A próxima etapa das Jornadas Regionais será realizada em Ribeirão Preto (5/6).

 

Serviço

Data: 23 de maio

Horário: das 08h30 às 17h30

Local: Hotel All Inn Sorocaba

Av. Eng. Carlos Reinaldo Mendes, 3541 – Jardim Pelegrino

 

Programação

 

8h30 às 9h30 - Credenciamento e Welcome Coffee

9h30 às 9h45 - Abertura

9h45 às 10h30 - Diálogos e Perspectivas

Mediador: Gumae Carvalho

Participantes: Fábio Reis – Diretor de Inovação Acadêmica e Redes de Cooperação do Semesp, Augusto Guimarães – Executivo de Negócios da CRM Educacional, Márcio Quintana – Gerente Comercial do Grupo A, Frederico Silveira – Coordenador Comercial da Fundacred, Marcus Aquenaton – CEO da Planeta Y, e Mario Thurler – Diretor Regional da LATAM.

10h30 às 13h00 – Bloco 1– Regulação, Supervisão, Avaliação e Qualidade

Mudanças na legislação e os impactos para as IES: Decreto 9.235/17 e as Portarias Regulamentadoras Palestrante: José Roberto Covac – Diretor do Departamento Jurídico do Semesp

Novos Instrumentos de Avaliação: como organizar a IES para obter melhores resultados nos processos avaliativos Palestrante: Paulo Cesar Chanan – Diretor de Regulação da Ser Educacional

13h00 às 14h30 - Almoço

14h30 às 17h00 – Bloco 2 – Análise de Mercado, Comunicação digital e Inovação

Análise do Mercado Regional – Riscos e Oportunidades Palestrante: Rodrigo Capelato – Diretor Executivo do Semesp

Comunicação Digital como estratégia de Captação e Retenção Palestrante: Glauson Mendes – SADEBR

Como sensibilizar a área acadêmica e engajar os professores em processos de inovação que gerem mudanças institucionais Palestrante: Maria Aparecida Felix do Amaral e Silva – Professora e Coordenadora do Curso de Pedagogia do UNISAL – Unidade de Lorena

17h00 - Encerramento e Bye Bye Coffee

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários